28 de novembro de 2012

Desisto! Mas haverá retorno!

Gente, eu estou tãooo desanimada. Com tudo sabe? A vida tá meio complicada agora. Tô me sentindo sufocada! 
É trabalho, faculdade, casa, marido, procura de creche, contas pra pagar. Eu estou sem ânimo de tudo. Desativei até minha conta do facebook.
Tô percebendo que algumas coisas não estão agregando valor a minha vida, não estou feliz. Não é nada com a história de ser mãe. Eu amo o meu filho. Ele é a melhor coisa que me aconteceu. 
Mas eu não vou vir aqui enfeitar a minha vida se ela não vai bem. Como eu falei no Meme anterior, eu sou perfeccionista. E algumas coisas precisam entrar nos eixos. Estou com problemas pessoais, não estou tendo o apoio necessário.
Volto assim que der. Mas vou escrevendo as coisas do Pedrinho e deixando nos rascunhos. Quando eu estiver bem, eu volto. Prometo! 
Beijinhos para todas que continuam!

27 de novembro de 2012

Meme Sobre Mim e Fotos do Pedrinho


  • Escrever onze coisas aleatórias sobre você.
  • Responder as onze perguntas que a pessoa lhe mandou e criar onze novas perguntas para as pessoas para quem irá mandar.
  • Escolher onze pessoas para repassar esse meme e colocar os links de seus respectivos blogs. (Não vou indicar pois a maioria já fez, tô fazendo só pra vocês me conhecerem melhor)
  • Avisar os blogs escolhidos
  • Não retorne esse meme para quem te enviou.
  • Postar as regras


11 coisas sobre mim
  1. Sou muito azarada, já peguei ônibus errado, tive problemas com os pontos do parto (1 em 1 milhão), tive problemas de inchaço aos 4 meses de gestação... Só acontece comigo!
  2. Não gosto de lavar o cabelo. Por ele ser bastante enrolado, tenho que estar na chapinha sempre e agora com baby e o meu cabelo caindo dei um tempo e estou deixando ao natural a maioria das vezes
  3. Detestava verde durante a gravidez;
  4. Quando engravidei, eu pesava 47 kg. Pensei até que não teria condições de gerar uma vida de tão magrinha que era;
  5. Eu não vi o Pedro nascer. Só senti ele sair e depois entrei em órbita, estava muito cansada pois tinha passado a madrugada e o dia todo sem dormir por causa das contrações; Fui ver meu filho uma hora depois!
  6.  O Pedro nasceu no dia em que eu e meu marido completamos 4 anos de namoro; #coincidência?
  7. Eu sou perfeccionista;
  8. Sou de ligar, mandar e-mails, sms. Mas ninguém retorna o que eu faço;
  9. Sou uma pessoa grudenta;
  10. Quando eu sou amiga, sou amiga pra valer;
  11. Quando eu quero alguma coisa, eu quero pra ontem. Sou muito mandona e apressada.


Agora vou responder as perguntinhas Rafa do blog: Com Ternura e Carinho


O que mais lhe deixa feliz?
Poder acordar todos os dias ver a família abençoada e feliz que o Senhor me deu.



O que mais lhe entristece?
Ver crianças inocentes sofrendo pelos erros dos pais, de injustiças, de bebês que morrem, com a violência. O sofrimento de uma mãe que perdeu o filho, fico pensando logo “e se fosse comigo?”. São tantas coisas que me deixam triste!


Qual sua frase favorita?
“O que não me mata, me fortalece” – já passei por tanta provação e tudo o que passei só me fortaleceu.



O que você já fez, que vai dizer ao seu (sua) filho (a) o para não fazer?
Essa é difícil! Eu quero que meu filho estude tudo o que tem que estudar enquanto ainda é jovem, enquanto ainda tem energia. Eu demorei a querer fazer faculdade e hoje estou aqui estudando ainda.


Que tipo de pessoa é você?
Essa é mais difícil ainda. Eu sou caseira, adoro estar com a minha família, gosto de ajudar as pessoas e sofro muito quando me tratam com falsidade ou me magoam.


Tem muitas amizades virtuais?
Sim. Tenho amigas que conheci há cinco anos atrás, mas nunca nos encontramos. Nunca deu certo os nossos planos de nos encontrar.


Tem medo de envelhecer?
Envelhecer com saúde não, mas sim envelhecer com doença, sem dinheiro e sozinha.


O que realmente lhe importa?
Minha família, os meus princípios.


És vaidosa? Se cuida?
Antes de engravidar sim. Pois eu tinha tempo, mas agora. Sabe coméQueÉ né? A gente arruma o bebê, arruma as coisas do bebê e só sobra 30 minutos para se arrumar. E nos minutos finais, marido já sai te arrastando. Falei pro marido que já não agüento a minha barriga, nem o meu cabelo. E antes do Natal, vou dar um UP. Assim espero!


O que lhe tira do sério?
Falsidade, gente fingida e fútil. Aff! Dá vontade de dar uns tapas e mandar a pessoa acordar.Uma coisa que meu marido faz e me tira do sério sempre é ele me perguntar a mesma coisa várias vezes. Juro que tenho vontade de arrancar os cabelos! E isso não acontece só com ele. Com várias pessoas!


O que você acha do nosso blog? (peguei a pergunta da Claudinha)
Eu acho a Júlia fofa, linda e fashion! Adoro o blog de vocês porque foi um dos primeiros que eu acompanhei quando descobri a gravidez e quando soube que iríamos ter bebês quase ao mesmo tempo me encantou compartilhar e viver esse momento tão lindo. E eu me identifico com as várias situações que você relata!





Um Pais q você gostaria de conhecer.
Sei lá. Tô feliz aqui mesmo! Quero conhecer meu Brasil e quem sabe dar uma passadinha no Uruguai?


Quantos filhos você quer ter?
Antes do Pedro, eu queria ter 3. Agora acho que só mais 1 para fazer companhia para ele.


Um livro (por que gosta dele?)
As séries de becky Bloom. É um livro leve e divertido. Encanta já na primeira página.


Um filme (por que gosta dele?)
Ultimamente, meu filme é na cama. Ando tão cansada que nem ânimo pra assistir eu tenho. E nem lembro de algum filme que me encantou.


Uma comida
Guaca Mole! Comi tanto na gravidez e até hoje ainda gosto!


Um presente q você gostaria de ganhar do seu amore?
Eu já ganhei, o meu filho. Não tem presente melhor do que ele.


Presentes q você não gosta de ganhar?
Qualquer coisa que seja verde!


O que te deixa de mau humor?
Ver que o que eu pedi pra fazerem sequer foi feito ou lembrado.


Um sapato
Delicado. Não gosto daqueles que tem salto exagerado nem cores vibrantes. Adoro sapato de cor nude. E tem que ser delicado, porque tem sapato que seu pé fica parecendo o Titanic.


Visitas: como reage quando alguém chega sem avisar?
Isso ultimamente acontece muito. Sou educada, dou atenção, não falo nada. Mas eu não gosto porque geralmente chegam na hora da soneca do Pedro e da minha. Ai a gente fica interiormente pedindo para a pessoa ir embora. Puxa! Ralo a semana toda e quero sossego né?


O q você faz/faria quando alguém chega na sua casa com criança, e ela bate em seu filho, ou mexe nas suas coisas???
Quando mexe nas minhas coisas eu falo para a mãe escutar: “querido, não pode mexer nas coisas da tia, porque quebra...” e se bater no meu filho, eu olho pra mãe, se a mãe for uma banana e não fizer nada, eu falo pra criança que não pode porque ele é pequeno e que eles devem ser amiguinhos. Espero não ter que passar por isso um dia!

Meu Motorista Particular!
Já está segurando a mamadeira sozinho! Esse meu filho tá muito independente!
Quando tinha dois meses e o cabelo dele ainda era comportado!
#Vide primeira foto para comparar a cabeleira!
Vamos pra festa mamãe? Eu já estou pronto!
Praia e água fresca!

20 de novembro de 2012

5 Meses e 2 Semanas - É hora de ir para a praia

Pezinho mais gostoso que a mamãe  adora morder!
Fomos a praia e foi maravilhoso! Pena que passou tão rápido. Foi possível recarregar as baterias para mais um final de ano cheio de trabalho.
O Pedro, a princípio detestou a praia, mas depois foi se acostumando e passou a gostar.
Aqui tá uma correria danada. Trabalho, final de semestre na faculdade, trabalhos, provas.
Vou ficar ainda mais louca! 
Prometo voltar com mais calma e mostrar cenas dessa nossa aventura!!!
Beijão

Na areia da praia! Que gostoso ele está, não é? Amo demais!

14 de novembro de 2012

5 Meses e 1 Semana de puro amor

O Pedro está cada dia mais fofo e gostoso! Quando eu olho para ele, eu tenho certeza que só faltava ele para a minha vida se tornar perfeita. Faz cinco meses e 3 dias que eu me tornei oficialmente mãe e que a minha vida teve a melhor transformação que ela poderia ter. Como é sagrado esse chamado de mãe que não tem salário que pague. A cada descoberta do Pedro, eu descubro junto com ele. Estou crescendo como mãe junto com o meu filho.
E como eu amo. Amo sem medidas. É um amor tão bom que eu tenho vontade de apertar o meu pimpolho toda vez que eu o vejo. E ele grita, meio que dizendo: "Mamãe, deixa de ser neurótica!" hehehe
5 Meses de amor incondicional

A minha volta ao trabalho está seguindo adiante. E sempre que posso estou ligando para saber como ele está. Acho que sou uma mãe mais chata do que aquela música dos elefantes da Galinha Pintadinha (Que por sinal, eu não suporto. Os elefantes incomodam muita gente e uma dessas pessoas sou eu!)
Não temos muita novidade por agora, pois meu filho adiantou as novidades quando:


  • sentou sozinho aos 3 meses e meio
  • Já pega tudo o que vê pela frente
  • Anda a cama toda se arrastando de costas
  • Dá gritinhos quando está feliz
  • Grita sem motivos só para chamar a atenção
  • Domingo passado falou PAPAIAIAIAIA - Será que foi papai? 
  • Domingo passado ele dormiu na cama a tarde conosco e eu virei as costas para ele, acordei com duas mãozinhas batendo nas minhas costas, como se ele não estivesse gostando da mãe ter-lhe dado as costas. #Coisa mais preciosa da minha vida...
  • Estou cada dia mais apaixonada. Eu trabalho, estudo, chego tarde em casa, mas quando eu vejo aquele sorrizão, eu esqueço de tudo e eu só sou dele e de mais ninguém #MeConquistouGeral
  • No mesmo dia pela manhã fomos à Igreja e na hora da sacramental (reunião geral) não parou de gritar. Tive que sair com ele e levá-lo ao fraldário para ele liberar toda a energia
  • Estende os bracinhos quando quer colo
  • Fica firme quando está nos braços
  • Faz bizourinho com bastante cuspe
  • Adora suco de laranja
  • Assiste televisão e presta bastante atenção (Assiste Maria Mercedes hehehehe)
  • Tem noites que dorme direto até as 8 horas da manhã
  • Está com 66 cm
  • Está pesando 8,340kg (engordou quase 1kg - Mês passado estava com 7,350kg)
  • Me abraça já e encosta sua boca cheia de baba no meu rosto
  • Morde tudo o que põe na boca, inclusive os nossos dedos
  • A pediatra liberou suco (que eu já estava dando há duas semanas), papinhas no almoço e jantar e frutinhas amaçadinhas no lanche da tarde. Fazendo a introdução de cada com a diferença de uma semana. Meu bebê está crescendo!!!
  • Ontem ele comeu pela primeira vez banana amassadinha e ele ADOROU! Ficava igual um passarinho com a boquinha aberta esperando a próxima colherada. Pena que não foi a mamãe que fez a bananinha, nem deu! #Vidademãequetrabalha :(

Comendo Banana - Parece que não está gostando, não é? Puro engano! Pois ele ADOROU!
Eu estou adorando trabalhar. A saudade bate, mas ai eu pego meu celular e ligo para saber como ele está. A faculdade está me sufocando e espero ansiosamente pelo final do semestre. Tenho prova até dia 26 desse mês, então vou dar uma sumidinha porque tenho que me concentrar. As minhas notas estão mais vermelhas do que um massacre. hehehehe
Eu preciso manter meu foco, mas quem disse que consigo estudar com essa coisa gostosa do meu lado querendo atenção?
Preso no bebê-conforto, senão o menino foge! hehehe

Tanta Gostosura! #Amooo demais

Todo risonho!


♪♫♪♫ Vamos a la playa oh o-o-o-oh
Vamos a la playa oh o-o-o-oh♪♫♪

Nesse feriadão vamos levar o guri a praia. Então volto logo com novidades!
Beijão e ótimo feridão!



6 de novembro de 2012

Dá Licença que a Licença Maternidade Acabou


A minha licença-maternidade acabou dia 30 de outubro. E dia 31 eu estava pronta para voltar ao trabalho.  Nem dormi direito de tanta ansiedade e expectativa. Não dormi direito também porque estava esperando o meu príncipe acordar para mamar, mas isso não aconteceu. O meu príncipe dormiu a noite inteira. Eu que acordei às 4 horas da manhã e fui olhar o meu anjinho em seu bercinho. Ele estava tão sereno, tão tranqüilo que eu desejei não ter que voltar a trabalhar. Queria sentir o seu cheirinho durante todo o dia, olhar o seu sorriso quando acorda de suas sonecas, queria sentir os seus dedinhos tocando os meus e a sua mãozinha fazendo um “carinho” que só ele sabe fazer.
Esse cinco meses foram os melhores que eu já vivi. Houve momentos de desespero, tristeza, incertezas de saber se eu estava educando o meu filho tão pequeno da forma correta (cá pra nós, acho que essa incerteza vai me acompanhar por um bom tempo). Alguns momentos de desespero foram seguidos de arrependimento. Quem nunca ficou estressada por tentar acalmar a cria que só chorava? Quem nunca soube o que fazer quando a criança estava chata e só fazia chorar?
Essa pessoa era eu. Pensei em desistir de muitas coisas por ele. Por sentir que não seria capaz de dar conta de faculdade, casa, trabalho, marido e filho. Mas o tempo nos faz fortes e nessa volta ao trabalho, o meu marido tem me ajudado mais do que eu esperava. Está me surpreendendo!
Desde que o Pedro nasceu eu amadureci bastante. Cheguei a conclusão que o amor que eu sinto pelo meu filho é maior do que o universo.
É incondicional!
É puro!
É perfeito!
Nesses cinco meses, também cheguei a conclusão que a licença-maternidade deveria durar o tempo necessário para que mãe e filho se sentissem preparados para cortar o cordão umbilical emocional. E se sentirem preparados para passar tantas horas separados. Mas a maior preparação viria por parte da mãe, pois os filhos são criados para serem INdependentes. Nós ensinamos isso a eles e eles aprendem direitinho.
Mas quem é que vai me ensinar a ser independente do meu filho?
Quem é que vai pagar cada sorriso perdido? Cada descoberta? Cada choro? Só de pensar, meu coração fica do tamanho de um grão de mostarda! Como é difícil ser mãe e ter que trabalhar!
Filho, desde o meu ventre, eu te prometi que te amaria na saúde e na doença, na tristeza e na alegria, na riqueza e na pobreza e te prometi que nada nos separará (nem a morte!). O meu amor por ti é eterno!
Eu voltei a trabalhar, mas já estou carente de ti, dos teus bracinhos no meu pescoço, do teu beijo cheio de baba.
Cada pensamento meu será teu e eu estarei orando por ti todo o dia. Eu vou esperar ansiosamente pelo final de cada dia para colher a minha recompensa: o teu sorriso quando me ver e os teu bracinhos chamando o meu colo.
E todas as vezes que isso aconteceu desde que voltei a trabalhar, eu tive a certeza que o meu dia valeu a pena.
Gente, ai que saudades do meu guri! Que saudades de dormir de tarde juntinho dele, sentindo o seu cheirinho e quando eu acordava e olhava aquele rostinho perfeito, eu sentia que estava no paraíso. E tinha que acabar quando a brincadeira estava ficando boa!
Eu não chorei no primeiro dia de trabalho, fui forte! Mas liguei mil vezes para a menina perguntando dele. Fui xereta e chata!
Pena que todos os dias quando saio, ele está dormindo com o papai dele. Eu acordo as seis horas coloco ele na minha cama e ele mama dormindo mesmo, nem abre os olhos. E quando eu o vejo ali aconchegado a mim, eu quero prolongar os minutos para que fiquemos assim por todo o dia. Ai dá 7 horas e a realidade grita! Levanto e me arrumo para mais um dia de trabalho. Deixo o meu guri dormindo e passo o dia olhado fotos suas no meu celular. Ainda tô bege com essa nova rotina e ainda não decidi se vou continuar a trabalhar. O futuro ainda é incerto!
Saudades do meu guriiiiiii!!!!




A história de Pedro e Mamãe

A história de Pedro e Mamãe