9 de dezembro de 2013

Decepcionada!



Final do ano chegando e mais um ano se passou! Uffa! Tempo para renovar as metas e renovar a fé para um próximo ano que se aproxima.
Pois vou te contar viu! Aconteceram tantas coisas esse ano que me deixaram esgotavas. Preciso de um ano novo para me redimir de coisas que quero deixar para trás e melhorar em várias coisas. E uma delas é me equilibrar financeiramente.
Mas por que a decepção?
As contas parecem que nunca diminuem! Cansada de pagar conta! Quero comprar uma casa nova ano que vem e preciso poupar urgente para poder dar um boa entrada no valor da casa. Afinal um quarto para três se torna pequeno na medida que o guri cresce e eu quero ter outro filho daqui a uns dois anos!
Esse mês recebi um dinheirinho a mais e pensei logo! Esse extra vou poupar e fazer um movimentação legal da minha conta corrente e depois eu jogo o dinheiro para a poupança e esqueço do bendito!
E já deixei bem claro que não vai rolar presente esse natal e não vou comprar presente caro pros sobrinhos do meu marido. A minha cunhada tem o costume de dizer qual presente ela quer para os filhos dela, pois ela vai ficar querendo porque do meu bolso não vai sair um tostão.
E o carro resolveu quebrar logo agora! Tá aqui parado na garagem esperando o dinheiro aparecer para mandar pro mecânico, enquanto isso estamos usando o carro da minha sogra que sempre ocupa a minha garagem quando ela não usa.
E eu estou cada dia surtando com tanta conta da casa que brota do chão e olha que eu nem sou de gastar muito. Sou quase uma mão de vaca assumida!
As contas são de casa mesmo! Eu sempre faço milagre com o dinheiro!
Marido sempre é otimista dizendo que vai dar pra pouparmos X valor, mas fica só no falar mesmo e eu tenho que me virar. Viver só de sonhos não é legal. E só falar sem agir não dá certo também.
Já diz a Bíblia que a fé sem obras é morta!
A única coisa que me dá alegria e me consola e me dá ânimo de acordar de manhã para batalhar mais um dia é ele:


A única coisa a fazer é orar e pedir sabedoria para vencer mais essa dificuldade! E ir à luta pois nada cai do céu!
Meninas, queria muito poder mostrar algumas coisas que quero fazer, mas lá no trabalho nem acesso mais a internet para fins pessoais para não dar motivos de reclamações. As coisas ficaram azedas por um tempo lá e eu ainda estou desmotivada para trabalhar, mas para conquistar as minhas metas pessoais eu preciso ir à luta.

Beijos e podem esperar que eu volto assim que der pois até em casa tá difícil acessar a net, marido e o Pedrinho não me deixam um segundo! Já viu o grude né?


A história de Pedro e Mamãe

A história de Pedro e Mamãe