16 de janeiro de 2016

Daniel - 5 Dias de Muito Amor

Faz uma hora (Sim, UMA HORA) que estou tentando escrever esse post. Sabe o que isso significa? 

NADA! hahahaha

Falando sério agora, eu comecei (melhor, tentei começar o post) o post, mas o Pedro pediu para ir no banheiro e ainda pediu para eu ficar lá fazendo companhia para ele. Quando ele terminou, o Daniel chorou, pensei ser fome, mas ele tinha uma fralda recheada me esperando. E é claro que fralda cheia significa barriguinha vazia e lá vou eu dar o tetê.
Essa está sendo minha rotina.
Mas vamos falar do Daniel...
Gente, estou apaixonada! Me derretendo de amor! Sem palavras para descrever tanto amor.
E está sendo tudo tão diferente do pós parto do Pedro, tão diferente da mãe que eu fui pro Pedro. Me sinto tão mais preparada agora, mais calma. Estou conseguindo me doar mais, me dedicar mais.
Acho que o fator maturidade também conta, afinal ter 28 anos é tão diferente de ter 24 anos.
Seria tão bom que ficássemos nesse "nível" de preparação desde o primeiro filho, não é?
Bem, o Daniel...
Lembram da azia que me perseguia?
Pois ela tinha uma razão. O Daniel é mega cabeludo. Tem o cabelo bem pretinho, tem pêlo nas costas e braços. E pensem num menino bravo. Já nasceu abrindo o berreiro bem alto. Quando o levaram para a avaliação, marido falou que ele chorou bem mais alto e não deixava mexerem direito nele. E essa personalidade continua em casa. Tomar banho e trocar fralda está sendo um desafio para meus ouvidos.
Ele nasceu na segunda-feira dia 11 de janeiro e tivemos alta logo na terça-feira.
Já na maternidade, ele tomou duas vacinas - A BCG (dose única) e a Hepatite B (dose ao nascer) que será dada a segunda dose aos dois meses.
Ele fez o teste do pézinho no dia 14. E nesse mesmo dia, ele se tornou oficialmente DANIEL.
Lembrando que o direito ao registro de nascimento é gratuito em todo o território nacional. Nós teríamos registrado o Daniel na maternidade, mas o horário de atendimento era somente das 12:30 às 13:30 e para se fazer o registro é necessário o documento chamado "Declaração de Nascido Vivo", mas essa via demorou muito para ser liberada pelo hospital. Eu e o Daniel recebemos alta às 10h00 da manhã, mas só conseguimos sair do hospital às 17h00. Uma enrolação! Meu marido, a prima do meu marido, até mesmo eu, o marido da outra mulher que estava de alta e no mesmo quarto ia direto no balcão de enfermagem cobrar esse documento. Estávamos desesperados querendo ir embora.
A desculpa deles é que a maternidade estava cheia e desde o dia 09 não parava de nascer bebês. Só dia 09 nasceram 15 bebês, um atrás do outro.
Ah! E no mesmo quarto estava o Lucas que nasceu no mesmo dia que o Daniel e na mesma hora!
Só naquela manhã foram 7 pelas minhas contas. Haja benção!
O Daniel já fez cocô no mesmo dia na maternidade, fez na terça, na quarta, não fez na quinta, e ontem (sexta) fez o famoso cocô de sujar até as costas. Até então ainda era mecônio.
E hoje (sábado) veio finalmente o cocô amarelinho. A bomba amarelinha que fez a fralda vazar. :)

Sim, eu estou detalhando tudo porque no do Pedro eu não fiz nada disso e não lembro de muita coisa.
O umbigo ainda não caiu, mas acredito que até terça ele não resista. Mas vou falar sobre isso em outro post.

Sobre o sono do Daniel, amamentação, umbigo eu vou falar em outro post, porque tem alguém que acordou com fome! Esse menino é uma máquina de tomar tetê... Mas eu amoooooo!

Ah! Por enquanto, eu e marido decidimos não colocar fotos dele nas redes sociais e o povo não está gostando nada dessa decisão. Mas é um direito nosso. Tem até uma pessoa desdenhando dizendo que parecia filho de celebridade. Meu filho não é celebridade e eu tenho o direito de não expôr o meu filho. Essa mania de querer que as pessoas postem tudo. Por enquanto só postei fotos da mão e da orelhinha. No momento certo, eu colocarei uma foto. Só queria que as pessoas respeitassem mais.

Deixa eu ir, que o meu menino bravo tá muito bravo.

Oficialmente Daniel

14 de janeiro de 2016

Bem Vindo Daniel!!!

Passando rapidinho só para dizer que nasceu meu segundinho e para implorar para o tempo passar bem devagar dessa vez!
Depois eu volto para contar os detalhes.
Só tenho mais uma coisa para fala: ESTOU AINDA MAIS APAIXONADA PELOS MEUS MENINOS!

7 de janeiro de 2016

Consulta 38 Semanas Continuação

Estão todos ansiosos para conhecer essa criança, menos eu! Hahahahaha
Tenho tentado descansar ao máximo, mas quando se tem filho pequeno, é quase impossível. Hoje, o Pedro acordou e ficou assistindo desenho no meu celular enquanto eu cochilava (#mejulguem), mas pra quem pensa que foi tranquilo, mero engano. Essa criança ficou desde as nove da manhã me perguntando quando eu ia levantar para fazer o almoço. Gente!!! Eram 9 da manhã ainda!
É tão bom quando você está grávida do primeiro filho e não tem obrigação de fazer comida. Mas, quando você está grávida do segundo filho, o buraco é mais embaixo. Imagina quem tem 3, 4 filhos?!?
#taamarrado! Hehehe

Mas o foco hoje é a consulta. Eu tenho um post quase pronto sobre o Pedro durante a gravidez. Falta terminar e já posto pra vocês. Acho que o Daniel vai nascer e eu vou continuar com os posts da gravidez porque é muita coisa para contar para vocês.

Mas voltando à consulta.


38 Semanas = cansaço, inchaço e cara de acabada

O doutor J falou que ia verificar o líquido, mas que não ia doer. Mas doeu, não igual ao toque, mas senti um "beliscão", uma cólica mais forte.
O exame foi rápido e logo ele terminou e pediu que eu me levantasse. Como sentei bem na beira da maca para realizar o exame, quase caí. Já falei que não estou muito boa de equilíbrio? Me senti uma pata desengonçada! A enfermeira não foi de grande ajuda não. Ainda bem que ela não ficou de frente olhando. Ninguém merece ter que ficar expondo a bonita para todo mundo né?
Levantei e incorporei o Robocop! A coisa estava feia!
Fui no banheiro vestir a calcinha e voltei com uma pontinha de esperança do Doutor J falar alguma coisa.
Ele estava escrevendo alguma coisa no meu prontuário e nem tchum para mim.
E eu que não sou de ficar calada e nem sou muito paciente fui logo questionando:
- Dr, e aí alguma notícia boa para me animar?
Ele simplesmente fala:
- A boa notícia é que você e o bebê estão ótimos!
 Deu vontade de dizer que não era aquilo que eu queria ouvir. Claro que é bom saber que estamos bem, mas eu queria ouvir outra coisa.
Mas eu não desisti:
- Mais alguma notícia boa? (Olha como sou insistente hahaha)

Ele acabou cedendo. Ele falou que não havia sinal de ruptura da bolsa, que o líquido estava ótimo e que eu apresentava 2 dedos de dilatação!
 DO-IS DE-DOS de dilatação!!!!
 Senti vontade de sambar, mas ai lembrei que não sei sambar! Hahahaha
Mas o meu sorriso foi de orelha a orelha!
Ele me deu uma cartinha para marcar a próxima consulta dali a sete dias, mas me falou que desejava não me ver mais lá! Hahaha
Será que foi um desejo de que eu parisse logo ou ele queria simplesmente se livrar de mim? Hahaha
Ah! Eu consegui fazer os exames de sangue que ele tinha pedido e, ainda bem, que a taxa de hormônios da tireoide baixaram bastante. Continuo tomando remédio e não sei até quando vou continuar tomando. O Dr. J falou que eu terei um acompanhamento depois que o Daniel nascer para ver se eu já tinha essa disfunção ou se foi devido somente a gravidez. Mas ai voltarei na médica do posto. Porque lá só atende as grávidas de alto risco.
Vou confessar para vocês que vou sentir falta das consultas de pré-natal! Sei que estou um pé no saco, um porre, que vivo reclamando de dor, de que não aguento mais, mas esse pré-natal foi especial, fui bem melhor acolhida do que na gravidez do Pedro e isso fez uma diferença enorme!
Eu esqueci de contar, mas desde a semana 36, tem saído pedaços do tampão. Tá saindo em forma de catarro ainda. No começo era transparente, depois esbranquiçado, quando eu sentia cólica forte e ia no banheiro saia meio amarronzado e agora está verde. Mas todos os dias sai um pedacinho. As cólicas deram uma trégua.
E tenho a impressão de que ainda vou comparecer na próxima consulta.
Pela data do primeiro ultrasson, faço 40 semanas na próxima terça-feira dia 12 e dia de consulta, mas pela DUM (data da última menstruação) faço 39 semanas domingo e pelo Dr. J faço 39 semanas terça-feira dia 12. Ele usa uma tabelinha de papel lá que eu não entendo. Enquanto a minha outra médica já foi em algum aplicativo... a primeira médica deu a dpp para dia 17/01 e o Dr. J deu dia 19/01.

Muito amor por esses dois!

Eu fiquei bem aliviada por ter dois dedos de dilatação porque eu morro de medo de passar por uma Cesária. Quando tive a minha primeira consulta com o Dr. J, fui logo perguntando se eu poderia ter parto normal. Ele mandou ir com calma que iríamos ver isso mais para frente. E se ele não falou nada de Cesária é porque está tudo bem, não é?
Eu vou confessar para vocês que eu sou a favor do parto normal. Já tive a experiência de um e sei que foi o melhor pro meu corpo e para o Pedro.
Cada um escolhe o que acha melhor para si, mas não concordo com tanta taxa de cesarianas desnecessárias feitas por capricho, por medo da dor, por estética, por conveniência.
Conheço uma pessoa que falou na cara do meu marido quando eu estava grávida do Pedro: sua esposa não merece ter um parto normal. Você deveria respeitá-la! (Ãhn?!?) Parto normal sempre foi uma escolha minha. Se eu quisesse parir plantando bananeira, meu marido ia respeitar a minha vontade.
Outra pessoa me falou: não sei como você fica tranquila em saber que vai sofrer. Eu não quero parto normal pra minha vida nunca!
Até agora a pessoa não engravidou porque está juntando dinheiro pra pagar o parto, o quarto particular do hospital, está guardando dinheiro pra montar o enxoval e o quarto do bebê.
Meus filhos não foram planejados de fato, mas eles me dão tanta alegria que acho que não vale a pena esperar tanto para ser feliz.
E vamos parar com os pitacos? Se você quiser ter seu parto cesária, a escolha é sua e mesmo não concordando, eu vou respeitar e não vou falar nada e nem vou ficar impondo a minha opinião querendo mudar a sua.
Esse assunto de parto só dá briga não é? 
O importante que tudo está caminhando para, mais uma vez, eu ter meu desejado parto normal!

Significado do nome Daniel
Origem: Hebraico
Significado: Deus é meu juiz
Imagem: internet


Consulta 38 Semanas

A última consulta foi segunda-feira passada e foi feito tudo igual a semana passada. Mais uma sessão de cardiotoco e nada de contração novamente. Então, para mim, não teríamos nenhum exame de toque de novo. Eu ficaria de molho de novo!
Mas dessa vez eu lembrei de falar pro médico algumas coisas que aconteceram durante a semana.
1 - Eu estava sentindo cheiro de líquido amniótico na minha calcinha.
2 - Eu estava sentindo muita dor no ossinho lá da bonita.

Então, ele decidiu verificar se a bolsa não estava rompida e aproveitou para ver se havia dilatação. #Todascomemora

Eita fogo né gente? Mas estou tão cansada que queria algum sinal de que alguma coisa estava caminhando para o parto.
Nessa consulta eu fui de vestido longo (se eu soltar ele, capaz dele ir sozinho para as consultas hahahaha), mas foi mais para facilitar e não ter que ficar tirando calça. Não estou em condições de equilíbrio.
A enfermeira me encaminhou para o banheiro e mandou eu tirar a calcinha e fazer xixi.
Quando voltei, deitei na maca. Ela pediu que eu levantasse o vestido até a altura do seio, mas minha vontade era cobrir o rosto de vergonha. Confesso que inconsciente eu joguei o vestido para cobrir a cara mesmo! hahahaha
Vi que a enfermeira tinha vontade de cair na risada. Era um exame de toque com um homem. Imagina como é constrangedor!
Essa consulta foi uma comédia! hahahaha
Ai estava eu naquela posição maravilhosa, o médico estava do meu lado colocando a luva e logo em seguida colocou um gel no dedo. Juro que foi inconsciente, mas eu fiz careta.
Ele viu que fiz careta e falou:
- Não precisa fazer careta porque eu ainda não fiz nada.

Hahahahaha

Só que eu não fiquei calada. Acabei soltando:
- Mas vai fazer!

Hahahaha

Ele é uma comédia!

Ai ele foi lá fazer o toque e eu fechei os olhos, de vergonha mesmo.
A minha última consulta da gravidez do Pedro, eu também fiz com um homem, mas era um velho de cabelo branco que nem falava comigo. E ainda mandou um recado que não ia me atender na próxima consulta porque era obrigação da minha médica ter horário na agenda dela. Ainda bem que não voltei para nenhum dos dois porque o Pedro nasceu dali a uma semana.

Mas enfim, voltando ao assunto, foi o pior toque da minha vidaaaa!!!
Que dor!
Que desconfortável!
E é inevitável a gente se contrair de dor. Ele falava para não fazer força, mas gente, foi mega dolorido.
Ele estava fazendo o toque para ver se havia dilatação. Primeiro ele colocou um dedo e depois, ele colocou e fez pressão empurrando com a mão. Doeu na alma! Mas ainda bem que a gente esquece né?

Em seguida, ele usou esse aparelho para verificar se a bolsa estava rompida e verificar como estava o líquido amniótico.
Amnioscópio 
Ele falou que não ia doer. Não doeu igual ao toque, mas senti uma cólica forte na hora.

Continua...

Sobre as Consultas - 33 a 37 Semanas

Eu faço meu pré-natal pelo SUS e até a semana 31 eu fiz pelo posto de saúde, mas por problemas na tireoide fui encaminhada para o pré-natal de alto risco.
E com 32+5 semanas eu tive a minha primeira consulta no alto risco. Na verdade, por eu ter asma, eu deveria ter feito meu pré-natal no alto risco desde que descobri a gravidez, mas como eu não tive nenhuma crise, ficou combinado entre eu e a médica do posto que continuaríamos fazendo o pré-natal no posto.
Mas como nem tudo é perfeito, aqui estou eu fazendo pré-natal lá no clínica de especialidades e estou adorando! 
Pena eu não ter sido encaminhada antes. Lá tudo é tão rápido, exames, ultrassons. Meu médico é MA-RA-VI-LHO-SO! 
Eu tinha medo de fazer pré-natal com médico homem, mas quer saber? É tudo de bom. Ele é bem humorado, super gentil e para me tranquilizar, ele fala que os sintomas são coisas da minha cabeça! hahahaha
Saio de todas as consultas leve leve!
A minha primeira consulta foi no dia 27 de novembro de 2015 e foi mais uma triagem. Um diálogo e ele passou o remédio para controlar a tireoide. E marcou retorno para dali a 3 semanas e passou mais exames. 
Ao total fiz exame de sangue umas oito vezes nessa gestação!

A segunda consulta no alto risco foi no dia 21 de dezembro de 2015 e eu vi o meu médico bravo. Eu não tinha conseguido fazer os exames de sangue que ele tinha pedido. O posto de saúde só tinha vaga para o dia 29 de dezembro. Ele ficou muito bravo!
Nessa consulta eu disse que sentia vontade de matar meu marido (claro que foi só um trocadilho. Lembram da TPM? Pois ela estava a todo vapor), ele aproveitou a minha confissão e aumentou a dosagem de hormônio do remédio. Será que assustei? hahahahaha
Nessa semana eu estava de 36 semanas e a próxima consulta ele já marcou para a semana seguinte. Minha pressão como sempre estava ótima. Só a altura uterina que, com ele, sempre deu 3 centímetros a menos. 

Agora as consultas passam a ser semanais. No dia 28 de dezembro (37 semanas), tomei um susto com a balança (do mal). De 67,6kg da semana anterior a balança foi para 70,1kg.
Não, eu não exagerei no Natal. Eu não sou fominha e não saio comendo tudo na minha frente e eu não consigo entender como as pessoas conseguem engordar tanto no Natal. Para mim é outro dia como outro qualquer. Mas cada pessoa é diferente né?
A explicação dos quase 3 quilos foi inchaço, a consulta foi numa segunda e eu estava inchada desde a sexta-feira passada. Mas a pressão estava boa, a altura uterina deu 3 cm a menos novamente. 
Nessa consulta fizemos o cardiotoco para verificar se havia algum sinal de contração. E não tinha nada. Daniel estava ótimo e sossegado dentro do forninho.
Como foi feito o cardiotoco, ele não fez o exame de toque. Confesso que estava querendo que ele fizesse para ver se tinha alguma dilatação para me alegrar um pouco. Sai de lá frustrada.
Retorno para dali a 7 dias.

Volto contando da última consulta para esse post não ficar tão gigante!!!
35 Semanas

5 de janeiro de 2016

38 Semanas - Daniel, já pode chegar

E voltamos com mais uma semana e nenhum sinal de que o Daniel quer nascer. Aqui dentro deve estar muito gostoso! Aconchegante, mas não tão confortável (pelo menos para mim, não está).
E para comemorar mais um dia de Daniel dentro do forninho, deixo uma mini cartinha para ele.
Volto a seguir com o relato das consultas e afins!
Mala da Maternidade Pronta

Filho, já falei que pode nascer. Todos estão ansiosos pela sua chegada. Mas não se apresse, mamãe tem aproveitado bastante esse tempo para descansar. Todas as suas coisinhas estão prontas. As roupas lavadinhas e com cheirinho de que tem bebê no ar. Uma delícia!
O seu berço está montadinho esperando por você.
Hoje, o Pedro perguntou se era hoje que você ia chegar. Ele está tão ansioso que me pergunta todos os dias. Ele já é louco por você e fala todos os dias que vocês serão amiguinhos e que vocês vão brincar juntos. Ele fala que vai te ensinar a brincar com os carrinhos e a andar de bicicleta. E eu não poderia me sentir mais abençoada por ter vocês dois na minha vida. É tanto amor que não cabe direito dentro do peito. 
Filho, vou te amar de janeiro a janeiro! Junho e Janeiro serão meses abençoados para mim. Pois são nesses meses que eu comemoro a melhor dádiva da vida: O de ser a mãe de vocês dois!




3 de janeiro de 2016

Voltei!!! 38 Semanas de Gravidez

Oláaaa! Feliz Natal e Feliz Ano Novo atrasadérrimo! Esse final de Ano, a única coisa que ganhei do Papai Noel foi a barriga! E ele foi embora e esqueceu de levá-la embora! hahahahaha
Tem que ter senso de humor nessa reta final!

37+6 Semanas Gravidez

Me sentindo aquela falsa grávida de Taubaté, mas aqui é real
37+6 Semanas de Gravidez Daniel
E chegamos à reta final da gravidez!!! Ali do lado fala que temos somente 14 dias de espera!!! (cara de medo mode on)
Voou! Passou tão rápido! Parece clichê, mas é a mais pura verdade!
Acho que por já "saber" (entre aspas porque nenhuma gravidez é igual a outra) o que iria acontecer mês a mês, por já "estar" preparada (nunca estaremos), fiquei mais desencanada com os sintomas. Eu conheço melhor o meu corpo hoje do que quando eu estava grávida do Pedro.
E como eu mudei! Como tudo foi diferente. Tanto na parte dos enjoos que duraram exatas 13 semanas, a azia amiga de todas as horas desde o começo da gravidez e que me acompanha até hoje e nessas últimas semanas são tantas "emoções" (#sqn), tantas dores.
Então em comemoração a essas últimas semanas vou listar os principais sintomas:

Azia
Gente do céu!!! Acho que fui premiada, porque desde o começo da gravidez ela me persegue. Porque comecei a encarar como perseguição. Pensei que poderia ser devido a alimentação, então mudei alguns hábitos, mas ela continua aqui firme e forte. Trocamos de GO, ele me receitou um remédio próprio para azia. Devo tomar somente 5ml quando tiver azia, mas tenho vontade de tomar o frasco todo, porque esses 5ml não adianta NADA!

Cólicas
No último final de semana de 2015, tivemos uma surpresinha. Final de semana recheado de cólicas. Começou na sexta-feira e foi até o domingo. Juro que pensei que Daniel queria nascer, mas como eram somente cólicas (tipo de menstruação) nem me alarmei e logo na segunda eu teria consulta do pré-natal. De acordo com o meu médico fofo: sintomas de final de gravidez! Ah e fizemos o cardiotoco e realmente não tinha nenhum sinal de contração.
E ainda continuo com as cólicas e idas frequentes ao banheiro.

Inchaço
A primeira vez que fiquei com os pés inchados foi no dia 14 de novembro. Fui num casamento e estava de salto. Estava pedindo para ficar inchada mesmo né? Ai o mês de dezembro chegou e junto o calor insuportável dessa minha cidade e na último final de semana de dezembro, comecei a ficar inchada e os meus pés não desincharam mais. Estão parecendo dois pãezinhos.

Falta de espaço
Do Daniel, é claro! E cada mexida é um chute na minha bexiga. Barriga dura o tempo inteiro (acho que é o bumbum dele) e mexidas de pézinhos na minha cintura, virilha e lá "embaixo". Ele mexe bem mais quando canto pro Pedro dormir, ele faz a festa! Ah! E sinto um peso enorme embaixo da barriga, quando passo um tempo sentada e levanto incorporo o Robocop.

Falta do que vestir
Essa é uma fase muito glamourosa da gravidez. Meu look da virada do ano foi: vestida com o que entrou e calcei uma sapatilha que no final acabou nem entrando mais e fiquei descalça igual a índio.

37+6 Semanas Gravidez Daniel
Xixi e Sono
Eu sempre dormi muito bem durante a noite e de dia. Estou numa fase que se eu encostar em qualquer lugar, você me encontrará dormindo. E eu não acordo para fazer xixi, mas quando estou acordada eu passo mais tempo no banheiro do que em qualquer outro lugar da casa. E como a gente fica fedida igual a uma velhinha "mijona" com incontinência urinária né? Um horror!!!

Calor
Parece menopausa e não gravidez. Pode estar caindo neve lá fora, mas eu estarei suando e com um ventilador ligado em cima de mim.

TPM - Treinada para Matar
Juro para vocês que tudo me irrita. Tudoooo! Já rolou até vontade de matar o marido (ainda tá rolando esses sentimentos loucos). Choro todos os dias. Fico triste e feliz numa fração de segundos. Um segredo: tenho vontade de matar o marido porque ele acha que eu estar cansada é frescura. Tudo é frescura para ele. Vou nem prolongar esse assunto porque já estou me irritando só de lembrar. Alguém com o mesmo problema?

Câimbras
Lembro que na gravidez do Pedro, eu tinha câimbras horríveis e desde o começo da gravidez. Imaginem câimbra nos dedos do pé. Gosto nem de lembrar porque doíam pra caramba. Nessa gravidez, comecei a ter câimbras nessa semana 37. Câimbras somente na batata da perna, mas não significa que é menos doloridas e elas adoram aparecer de

madrugada.

Bem, são somente esses sintomas maravilhosos que me acompanham. Vou terminar esse post com a foto da semana 37 (que acabei de tirar) e antes do Daniel nascer, venho mostrar os preparativos para sua chegada.

37+6 Semanas Gravidez Daniel
Prometo voltar antes do Daniel nascer, isso se ele resolver não nascer essa semana! ;)
Ah e desculpem a foto sem edição, imagina a minha paciência nesse finalzinho, se eu decidir editar as fotos eu acabo nem postando nada!
E não reparem na minha parede. Choveu tanto esses últimos dias que deu infiltração em várias partes da casa. Tá medonho e vamos ter que pintar, mas só depois que o Daniel nascer porque por agora eu quero é sossego!

A história de Pedro e Mamãe

A história de Pedro e Mamãe